Pro League: sofrendo com limitações, Ninjas in Pyjamas é eliminada

Pro League: sofrendo com limitações, Ninjas in Pyjamas é eliminada

Em derrota pra Team Reciprocity, NiP precisou encarar a falta de entrosamento

Por Luiz Queiroga


O Brasil dá adeus ao mundial da décima temporada da Pro League logo no primeiro dia de confrontos. Na manhã deste sábado (9), a Ninjas in Pyjamas sucumbiu para as limitações por conta da ausência de dois titulares e perdeu para a Team Reciprocity por 2 a 0 (7x3 e 8x6). Antes, a FaZe Clan fora eliminada também.

Com o presencial sendo disputado em Tokoname, no Japão, a NiP visivelmente sofreu com a falta de entrosamento já que, sem julio nem kamikaze, precisaram chamar às pressas os espanhóis baroz e p0Lo. A comunicação, como o esperado pelas circunstâncias, foi um dos principais pontos negativos que culminou na eliminação precoce.

O começo de ambos os mapas foi fundamental para a derrota do combinado entre Brasil e Espanha, já que a Reciprocity venceu de forma muito rápida sem sofrer quase nenhum obstáculo. Em Litoral, a FaZe Clan foi anulada pela leitura de jogo adversária, que conseguiu neutralizar bem a postura agressiva da NiP. Quando a equipe LATAM pareceu encontrar mais confiança, a NA se garantiu sem problemas.

Em Consulado, porém, o cenário foi totalmente outro: com um início também ruim, a Ninjas in Pyjamas foi mais guerreira e demonstrou melhor jogo coletivo para chamar pontos importantes. As individualidades de Psycho, pino e p0lo foram fundamentais para, em meio à montanha-russa de pontos, chamar o overtime. Mesmo assim, com a NiP representando muito, o Brasil deu adeus ao mundial.

chaveamento

AGENDA